Princípios e práticas para educação alimentar e nutricional O Conselho Federal e os Conselhos Regionais de Nutricionistas (Sistema CFN/CRN), a Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) aliaram esforços, consolidando parceria para incentivar e sensibilizar gestores e profissionais de diversas áreas para ações relacionadas ao Direito Humano à Alimentação Adequada (DHAA), por meio de práticas de EAN. Configura-se como estratégia fundamental para o enfrentamento das problemáticas brasileiras referentes à má nutrição, como o excesso de peso e a obesidade, permitindo refletir sobre toda a cadeia produtiva – produção, abastecimento e acesso a alimentos adequados e saudáveis.

O Marco de Referência de EAN para as políticas públicas apresenta princípios que norteiam as ações em diversos setores e cenários. É um desafio e uma necessidade para gestores e profissionais ligados à área associar cada princípio com uma situação prática da nossa realidade, para melhor planejar e realizar processos formativos em EAN. Considerar esses princípios e as possibilidades de diferentes combinações entre eles numa mesma iniciativa, não apenas oportuniza um planejamento mais coerente das ações de EAN, como corrobora para a percepção e para a articulação da diversidade de sujeitos e instituições potencialmente parceiras como promotoras da alimentação adequada e saudável nos territórios.

Clique aqui para fazer download da publicação.

%d